+55 31 3194 0400

Na atual economia, todo negócio depende do desenvolvimento de softwares. É por isso que o DevOps está rapidamente se tornando uma das disciplinas mais valiosas para as empresas.

Ele está focado em melhorar a qualidade e a velocidade de entrega de novos aplicativos ao mercado. A ideia é integrar o desenvolvimento e as operações para chegar lá.

Isso está direcionando as empresas em todos os lugares para dar uma segunda olhada no que eles poderiam ter pensado inicialmente se tratar apenas de uma buzzword — algo muito falado em um dia e esquecido no seguinte.

Conforme estudo desenvolvido pela CA Techonologies, para as organizações médias adotando o DevOps,  vê-se uma melhoria de 20% no tempo de mercado (time to Market), uma melhoria de 22% na qualidade do software e uma melhoria de 17% na frequência de implantações de aplicativos.

E para que você também entenda como esse método pode ser aplicado no seu landscape, abaixo explicamos o que é DevOps, quais são seus pré-requisitos e como ele pode ser aplicado na sua empresa. Acompanhe conosco!

O que é o método DevOps?

O DevOps não é um produto, nem mesmo uma tecnologia específica. DevOps é uma metodologia que une as funções frequentemente separadas de desenvolvimento de software (Dev) e produção e operações (Ops) em um processo único, integrado e contínuo.

Trata-se de quebrar as barreiras entre o desenvolvimento e as operações, por meio de uma metodologia ágil. Ele aproveita pessoas, processos e tecnologia para estimular a colaboração e a inovação em todo o processo de desenvolvimento e lançamento de software. Dev e Ops devem agir e sentir como se fossem uma única equipe.

Quais os sinais de um processo disfuncional?

Colocar o desenvolvimento e as operações na mesma página pode ser difícil. Mas, primeiro, você deve reconhecer se suas equipes estão indo na mesma direção ou não. Alguns dos sinais de alerta de um processo disfuncional incluem:

  • Você não descobre defeitos do software até o final do ciclo de vida — ou pior, na produção;
  • Você usa o modelo ágil para acelerar o desenvolvimento, mas todos os ganhos se evaporam quando o aplicativo entra em produção;
  • Seus desenvolvedores estão constantemente esperando para acessar os recursos de que precisam, causando atrasos;
  • Sua plataforma de desenvolvimento ágil não responde como esperado;
  • Você não consegue identificar problemas em desenvolvimento, teste e operações de produção;
  • Você vê erros humanos simples causando estragos durante o desenvolvimento e a implantação;
  • O desenvolvimento vê seu trabalho como concluído uma vez que o aplicativo está em produção;
  • Sempre que surge um problema, todos começam a apontar os dedos para acusar outra pessoa.

Mas então, quais são os pré requisitos do DevOps?

Reconhecer que você tem um problema é o primeiro passo para fazer mudanças significativas. Ao ver o valor que o DevOps pode trazer para sua organização, você pode ter se surpreendido de estar mergulhado em alguns dos processos disfuncionais mencionados acima sem perceber.

Então, como sair da disfunção e passar para o caminho certo junto ao DevOps? Há cinco coisas que todas as organizações podem fazer para chegar lá, sendo elas:

  • Forme as equipes de aplicação que integram cada disciplina — de Dev, Testing e Ops — juntas;
  • Melhore a educação, as comunicações e as competências;
  • Reavalie e reconstrua o seu ciclo de entrega de serviços;
  • Escolha as ferramentas certas para implantar cada categoria, como controle de versão, gerenciamento de configuração, integração contínua, deploy, monitoramento e controle de logs;
  • Avalie novas tecnologias para suportar o DevOps;
  • Escolha o aplicativo certo ou a linha de negócios correta para começar com DevOps.

Não importa em que ordem você faça essas coisas; o importante é começar. Escolha uma aplicação crítica que tenha a atenção de todos como seu ponto de partida com DevOps.

A tentação é começar pequeno, mas no DevOps, você obterá o maior retorno de um aplicativo altamente crítico e altamente visível que já está causando problemas.

Isso ajudará a aliviar grande parte da inércia interna sobre “fazer as coisas de forma diferente”, e o sucesso com o DevOps terá um grande impacto na organização.

Se você pode fazê-lo em algo que é grande, difícil e importante, você pode replicar esse sucesso qualquer parte da organização.

Para trocarmos informações e experiências sobre o DevOps , entre em contato com nossos especialistas.

Share This